Viagens Agendadas
  MULTI ESPORTE EM TORRES DEL PAINE (11D/10N)
Preços por pessoa
  • 2 passageiros USD$ 5.695
  • 3 passageiros USD$ 4.895
  • 5-8 passageiros USD $4.795
  • Adicional para ficar sozinho USD$ 625
Datas de saída
Veja as datas e espaços disponíveis e junte-se ao grupo!
Reserve esta viagem

Como posso pagar?
 
Nível de Dificuldade
Desafiadora
Duração da viagem
11 Dias/09 Noites
Início/Fim
Punta Arenas (PUQ), Chile 
Atividades
Personalize esta viagem
Continue viajando
OBSERVAÇÃO DE BALEIAS (3D/2N)(WW)

KAYAK - PARQUE PUMALIN (4D/3N)



Envie esta viagem por e-mail
 
Dia 1: Recomendamos que você pegue o primeiro vôo de Santiago para Puna Arenas (4 horas), sobrevoando a Cordilheira dos Andes e observando os gigantescos Campos de Gelo Continental. Em Punta Arenas, um transporte privado o levará a Estância Las Chinas. A Chile Nativo oferece esse transporte a partir do aeroporto de Punta Arenas às 15:20h, que corresponde à chegada do vôo LAN número LA293 (sujeito a alterações), ou também podemos buscá-lo às 15:00h em seu hotel na cidade. Ao deixar a cidade de Punta Arenas, poderemos observar o Estreito de Magalhães e a mística ilha da Terra do Fogo. Essa viagem cruza imensas áreas de pampas e estâncias, com chances de ver alguns dos animais típicos da região como guanacos e emas (nhandú), em direção a cidade de Puerto Natales, de hábitos portuários e rodeada por grandes montanhas, localizada no Canal da Última Esperança. A partir daí, através de uma estrada de rípio chegaremos à Estância Tercera Barranca, uma acolhedora e aconchegante estância que oferece bela vista das Torres del Paine e um jantar preparado cuidadosamente pela Sra. Carmen. Aqui passaremos a primeira noite.
(5 horas de transporte privado) (J) (Pernoite na Estância Tercera Barranca)

Dia 2: Após um café da manhã ao estilo country vamos conhecer o nosso baqueano (cowboy local), que será nosso guia de montaria pelos próximos dias. Você escolherá um de nossos cavalos da raça crioulo, compactos, robustos, inteligentes e totalmente adaptados ao terreno e clima da Patagônia. Começamos então um passeio ao lado de uma cadeia de montanhas, atravessando extensos e típicos pampas Patagônicos durante aproximadamente 3 horas, antes de chegar à cachoeira Salto Las Chinas. Um belíssimo local onde podemos ver a confluência dos rios Las Chinas e Zamora, além das famosas torres. É com esta vista que paramos para fazer um almoço pic-nic e descansar os cavalos. No caminho teremos a chance de observar guanacos e emas. Em seguida voltamos por outro caminho à nossa rústica e confortável estância. Ao entardecer, nos aquecemos em volta da lareira, tomando o famoso Pisco Sour chileno. O jantar servido na estância será um tradicional cordeiro patagônico assado al palo.
(5 horas de montaria) (C-BL-BBQ) (Pernoite na Estância Tercera Barranca)

Dia 3: Hoje vamos cavalgar em direção ao sul, margeando os limites do Parque Nacional Torres del Paine. No caminho, as torres vão sempre estar nos observando pela nossa direita. Seguimos a trilha entre rios e montanhas até a Laguna Amarga, uma das portas de entrada ao Parque Torres del Paine. A partir deste ponto deixaremos os cavalos e um transfer nos levará ao Refúgio Las Torres, que fica ao lado do Hotel Las Torres, onde poderemos desfrutar dos serviços de spa com jacuzzi e massagem (não-inclusos) oferecidos pelo hotel. Perfeito para relaxar após dois dias incríveis de cavalgada e nos prepararmos para as caminhadas que estão por vir.
(4 horas de montaria, 30 minutos em transfer privado) (C-BL-J) (Pernoite no Refúgio Las Torres)

Dia 4: Nosso primeiro dia de caminhada. Saímos do acampamento em direção a base das torres que dão nome ao parque, caminhando pelo vale do rio Ascencio. A primeira hora de trilha é morro acima, tendo a bela visão de todo o vale, em alguns pontos cobertos por florestas (nothofagus), além de glaciares, cachoeiras e o lago Nordenskjold. Continuamos pelo vale por mais uma hora e meia, antes de subir um grande morena frontal (ou morena terminal, em geologia significa o ponto máximo de avanço de um glaciar) para o ponto de observação das torres. São três torres de granito gigantes, a mais alta com 2850 metros, e um lago formado pelas águas que derretem dos glaciares. Essa vista magnífica é acompanhada do lanche servido pelos nossos guias. Descemos pela mesma trilha de volta ao refúgio, onde passaremos a mais uma noite.
(7-8 horas de caminhada, 18km) (C-BL-J) (Pernoite no Refúgio Las Torres)

Dia 5: Deixamos o refúgio bem cedo para observar, se o tempo permitir, o sol nascente com os picos das montanhas alaranjados. Nosso destino é a lagoa Inge, de onde partiremos para uma trilha bem marcada com cerca de 200 metros de subida até a base do monte Almirante Nieto (2750 metros), onde teremos a chance observar condores andinos e águias enquanto almoçamos. Seguimos pela trilha até cruzar o rio Bader e chegar ao Cabine Los Cuernos para passar a noite. (cabines privativas com 2 camas de solteiro e um banheiro que é compartilhado somente entre as cabines)
(5 horas de caminhada, 11km) (C-BL-J) (Pernoite no Cabine los Cuernos)

Dia 6: Começamos o dia com uma caminhada de 2 horas por um caminho ondulado até o rio Francês, de onde veremos grandes glaciares no topo das montanhas. Em seguida subimos uma hora (300 metros) por uma paisagem incrível semelhante a um jardim japonês, além de bosques e florestas para então chegarmos ao vale do Francês, com uma vista deslumbrante de lagos, montanhas e florestas. Neste lugar almoçamos com boas chances de observar pequenas avalanches e as faces oeste dos montes Cuernos (2600m), Espada (2400m) e Fortaleza (2800m). O caminho de volta é o mesmo até chegarmos à entrada do vale, quando então pegaremos outra trilha que passa a sudoeste do Paine Grande (3050m), o mais alto do parque, através de vegetações nativas até as margens do lago Pehoé.
(7 horas de caminhada, 18km) (C-BL-J) (Pernoite no Refúgio Paine Grande)

Dia 7: Começamos bem cedo nossa trilha até o glaciar Grey, um caminho belo e sinuoso com cerca de 200 metros de subida, passando ao lado da laguna Negra até um ponto onde poderemos observar alguns dos montes nunca escalados do Campo de Gelo Continental Sul. Seguindo por dentro de uma floresta e cruzando pequenos riachos, com chances de ver e fotografar patos da espécie Anas specularis e raposas patagônicas Lycalopex culpaeus até o ponto de observação do glaciar Grey. Neste ponto almoçamos observando de perto as enormes paredes do glaciar, e com sorte veremos algumas delas desmoronando nas águas do lago Grey, um espetáculo inesquecível. Após o almoço, pegamos um barco para chegar ainda mais perto das paredes do glaciar, admirando-as por alguns minutos, passando ao lado de icebergs com diferentes tons de azuis. O barco nos leva até a Hostería Grey, passando em frente ao Paine Grande para uma última despedida. .
(3.5 horas de caminhada, 11km) (C-BL-J) (Pernoite no Hotel Rio Serrano)

Dia 8: Antes de partir, nós preparamos e distribuímos os caiaques e repassamos as instruções de remo e de segurança. Nossos guias vão orientá-lo sobre os equipamentos e acessórios necessários, de forma que o excedente da sua bagagem pode ir de carro até Puerto Natales, permanecendo trancada em nosso escritório. Tudo certo, começamos remando por cerca de 2 horas através da primeira parte do rio, numa área calma ideal para observar o domínio e o conforto de cada viajante no caiaque. Após 2 horas portanto chegaremos a uma pequena cachoeira e aqui teremos a primeira experiência de trabalho em equipe, carregando os caiaques por aproximadamente 100 metros pela margem do rio. Em seguida continuaremos a remar por mais 1 ou 2 horas (dependendo das condições da água, do tempo e da luz do dia) até chegar em nosso ponto de acampamento.
(3 horas remando) (C-BL-J) (Noite em acampamento)

Dia 9: Após o café da manhã teremos a segunda recompensa do esforço feito no dia anterior, vamos remar em frente às paredes do Glaciar Tyndall, formado a partir do Campo de Gelo Continental Sul, a terceira maior reserva de água doce do planeta. De volta ao rio Tyndall, remaremos a favor da correnteza apreciando a bela paisagem do rio até a confluência com o Rio Serrano. Seguimos por este rio mais alguns quilômetros até o ponto de acampamento.
(6-7 horas remando) (C-BL-J) (Noite em acampamento)

Dia 10: Começamos a remar após desmontar o acampamento e tomar café da manhã. Esta área do rio é cercada por áreas de Parque Nacional e também terras particulares, cobertas pela típica floresta temperada de Magalhães e toda a fauna relacionada. Também teremos a chance de observar, ao longe, as montanhas cobertas pelo gelo continental e seus glaciares. Seguimos remando até chegar a Puerto Toro, que fica dentro do Parque Nacional Bernardo O’Higgins. Aqui poderemos fazer uma fácil caminhada de 30 minutos até o mirante do glaciar Serrano e em seguida tomar o barco 21 de Mayo que navega entre canais e glaciares até a Estância Perales, onde vamos saborear um típico churrasco patagônico. Retorno à Puerto Natales com chegada prevista para às 18h.
(2 horas remando, 3 horas de barco) (C-BL) (Noite no Hotel Weskar ou similar)

Dia 11: Após o café da manhã um transporte privado nos levará de volta a Punta Arenas.
(3 horas de transporte privado) (C)

Sobre o itinerário:
A programação descrita acima está sujeita a alterações em função das condições climáticas ou fatores inesperados que fogem ao nosso controle, embora nós sempre fazemos o máximo esforço, dentro dos padrões de segurança, para não alterá-la.

 
Estância Las Chinas

Este simples rancho foi recém transformado em uma aconchegante pousada, como um anexo da Pousada Cerro Guido. Cada quarto possui de 2 a 4 beliches e aquecedor. Os banheiros são compartilhados e oferecem água quente. Aproveite sua estadia para relaxar ao redor da lareira ou caminhar pelo rancho apreciando a bela paisagem do Vale Las Chinas, um dos mais primitivos da região.

Refúgio Las Torres

Todos os refúgios utilizados em nossas viagens estão localizados estrategicamente no parque, e com vistas incríveis. Possuem seis camas por quarto e banheiros compartilhados com água quente.

O refúgio las Torres está no início da trilha que leva para a base das Torres del Paine, e faz parte do circuito W. Ele fica ao lado do Hotel Spa las Torres que oferece uma variedade de serviços como massagens e saunas.

Chalés Los Cuernos (Opcional)

São 8 chalés para duas pessoas, com banheiro compartilhado apenas entre os hóspedes dos chalés, não podem ser utilizados pelos hóspedes do refúgio nem dos acampamentos. Os chalés dão direito ao uso de uma tina com água quente, lenha para a lareira e uma vista espetacular de los Cuernos del Paine. Os chalés estão localizados próximos ao refúgio los Cuernos, e todas as refeições são servidas no refúgio.

Refúgio Paine Grande

Todos os refúgios utilizados em nossas viagens estão localizados estrategicamente no parque, e com vistas incríveis. Possuem seis camas por quarto e banheiros compartilhados com água quente.

Paine Grande é um refúgio grande e moderno, às margens do lago Pehoé, oferece conexão a internet e serviço de bar completo. Está ao lado do ponto de saída do catamarã que navega no lago Pehoé, e também das trilhas que levam aos vales do Francês e Grey, fazendo parte do circuito W.

Hotel Rio Serrano

Estrategicamente localizado nas margens do rio Serrano e nos limites do Parque Torres del Paine, este hotel oferece aos clientes uma vista panorâmica, privilegiada e inesquecível de todo o Maciço Paine! Com 92 quartos (26 standard e 66 superiores) todos com banheiro privativo, aquecimento central e telefone, este é um hotel refinado, confortável e aconchegante. Rodeado de uma natureza maravilhosa, o hotel também oferece uma grande área aquecida, com poltronas e televisão, uma atmosfera traquila onde você pode passar um fim de dia relaxante ou simplesmente admirar a paisagem.

Acampamento Chile Nativo

Oferecemos aos nossos passageiros barracas quatro estações “North Face VE 25” com capacidade para três pessoas, porém utilizamos em duplas para maior espaço interno e conforto. Além disso nossos acampamentos contam com uma grande tenda Mountain Hardware para as refeições, quando os grupos são superiores a seis pessoas, e quando é possível montá-la.

Hotel Weskar Lodge

Este hotel rústico e familiar está bem localizado no Canal da Última Esperança, com a vista de majestosas montanhas ao fundo e a apenas 15 minutos a pé da quadra principal de Puerto Natales. O Weskar oferece acomodações quentes e confortáveis, recepcionistas solícitos e um restaurante com decoração ecológica.

INCLUSO
- Todos os traslados privativos;
- Todos os cavalos, selas e equipamentos;
- Capacetes, calças de couro, luvas de couro, bolsas;
- Todas as refeições indicadas (C: café da manhã, BL: Box lunch, J: jantar, BBQ: Churrasco);
- Duas noites de hospedagem na Estancia Tercera Barranca (casa de fazenda acolhedora, com camas de solteiro / casal e banheiro privativo);
- Taxa de entrada para o Parque Nacional Torres del Paine;
- 3 noites em Refúgios (com quarto com seis camas e banheiros compartilhados, ficamos em camas, com roupa de cama e travesseiros);
-1 Noite Cabine Los Cuernos
- Passeio de barco no lago Grey
-1 noite Hotel Rio Serrano quartos duplos superior)
- Duas noites de acampamento no Parque Nacional Torres del Paine e no Parque Nacional Bernardo O’Higgins (barracas quatro estações “Mountain Hardwear Trango 3.1”);
- Caíques com dois lugares;
- Todos os equipamentos de remo (luvas, coletes, remo e botas);
- Taxa de entrada para o Parque Nacional Bernardo O’Higgins;
- Navegação desde o Glaciar Balmaceda até Puerto Natales;
- Uma noite de hospedagem no Weskar Lodge ou similar em Puerto Natales (quartos duplos superior);
- Guia (inglês e espanhol);

NÃO INCLUI
- Passagens aéreas;
- Noites adicionais;
- Despesas médicas;
- Seguros;
- Despesas pessoais;
-Almoço nos dias 1 e 11;
- Bebidas alcoólicas e não alcoólicas;
- Gorjetas para o guia.

CONDIÇÕES CLIMÁTICAS E TEMPERATURA

O clima na Patagônia é um fator importante e deve ser levado em consideração. A temperatura máxima no verão é de 20ºC e no inverno cai para abaixo de zero. Quando há vento a sensação térmica cai algo em torno de 6 a 7 graus. A temperatura da água é de 4ºC.


Multisport in Torres del Paine
 
The booking/planning process was of supreme quality. Gonzalo and his team made themselves available to us at all hours by both phone and email, responded promptly and completely to our questions over email, and displayed excellent communication skills. The attention and service we received in this initial stage was definitely the main contributor to our decision to go with Chile Nativo.
The Estancia on the first few nights was lovely. Lower standard of accommodation for the balance of the trip - particularly in terms of sharing with others in the refugios. Would have appreciated better warning on this front. If had known, may have opted for more expensive option.

Christian was everything you could want in a guide: Very professional, excellent fitness, high level of knowledge on the region, excellent communication skills, fun, interactive but not too intrusive when appropriate. Our trip was fantastic, predominantly as a result of Christian. We were very pleased.
It was an absolute pleasure to deal with Chile Nativo - from making the decision to use Chile Nativo as our tour guide, to selecting on an itinerary, to the tour itself. The Chile Nativo team is highly professional, experienced, and attuned to the needs of its customers. We will, and have already, highly recommended Chile Nativo to our friends and colleagues.

 
Prucence Mack
April, 2008
........................................
 
 
Copyright © 2001 - 2017 ChileNativo.travel - All rights reserved | Site Map
Web site design by Media Tools Ltda. & dynamized by Informatic

CUSTOM TRIPS
Tailor Made - Viajes a Medida - Voyage à la carte

LANGUAGE
Patagonia trips - Viajes a Patagonia - Voyages en Patagonie

ACTIVITIES

Locations